Hellblade: Senua’s Sacrifice, do estúdio independente Ninja Theory, dominou as indicações do BAFTA deste ano, aparecendo em mais da metade das 16 categorias.

Um total de 45 jogos foram reconhecidos, mas Hellblade obteve maior destaque, sendo nomeado nove vezes, em Realização Artística, Realização de Áudio, Melhor Jogo, Jogo Britânico, Inovação em Jogo, Música, Narrativa, Performance e uma nova categoria, Games Beyond Entertainment (algo como “jogos que vão além do entretenimento”).

Em segundo lugar aparece Horizon Zero Dawn, com oito indicações, incluindo Realização Artística, Melhor Jogo e Jogo Original. Em terceiro, What Remains of Edith Finch recebeu sete indicações, entre elas Melhor Jogo e Jogo Original.

Introduzida este ano para reconhecer jogos que oferecem uma “experiência transformadora”, a categoria Games Beyond Entertainment possui títulos que exploram uma série de questões sociais. Os nomeados incluem Life is Strange: Before the Storm; Night in the Woods; Bury me, my Love; Last Day of June; Hellblade; e, por fim, Sero Hero Quest VR.

As indicações deste ano incluem uma série eclética de títulos que demonstram a variedade de experiências relevantes lançadas na indústria em 2017. Além dos lançamentos de grande orçamento mais previsíveis, como Call of Duty: WWII, Assassin’s Creed Origins e Wolfenstein: New Colossus, também aparecem nomes menos conhecidos, como Gang Beasts, Reigns: Her Majesty e Slime Rancher.

O BAFTA Awards é uma premiação anual, concedida pela Academia Britânica de Cinema e Televisão, para homenagear as melhores contribuições britânicas e internacionais para a área do audiovisual. A cerimônia, organizada por Dara O’Briain, acontecerá no dia 12 de abril em Troxy, Londres. A lista completa de indicações pode ser encontrada aqui.

___

Leia também: Hellblade: Senua’s Sacrifice é uma das melhores experiências do ano – Análise

Via Games Industry