Rise of The Tomb Raider está prometendo lutas com animais mais realistas enquanto você explora a Sibéria, cenário do jogo e o diretor Brian Horton também sinaliza que haverão “elementos sobrenaturais”.

Em entrevista para o site GameInformer, Horton revelou uma boa quantidade de informações novas sobre o jogo, anunciando que haverá um sistema dinâmico de tempo e dia, além de condições climáticas adaptáveis, fazendo com que animais distintos apareçam em momentos diferentes.

Leia mais sobre Rise of The Tomb Raider

Nós já sabíamos que haveria mais de um tipo para cada arma, mas agora vemos como isso funcionará: o sistema de melhoria de equipamentos do jogo anterior está de volta, com a novidade dos jogadores terem a possibilidade de melhorar tipos diferentes de arcos, ao invés de só ter um como no jogo de 2013.

Como no seu antecessor, explorar será uma grande parte de Rise of The Tomb Raider e Horton promete aos jogadores melhorias na escalada de montanhas e outras superfícies, mas isso não será a única grande característica na Sibéria: a equipe do jogo investiu pesadamente em criar uma tecnologia de neve crível.  Animais deixarão pegadas únicas na neve que serão preenchidas com o tempo. Lara inclusive poderá cavar trincheiras de neve para se abrigar. Todavia a neve não será sempre uma ferramenta útil já que os jogadores se sentirão ameaçados pelo perigo de avalanches e tempestades de neve.

gi-rise-of-the-tomb-raider-2

Horton também revela os primeiros detalhes de um lado fora da nevosa Sibéria: o Oásis.

“Lá não é completamente congelado. Esse Oásis, que não entraremos muito em detalhes, tem um clima diferente, outras temperaturas são importantes para ter certeza que não teremos uma única visão por todo o jogo”

O temporariamente exclusivo Rise of The Tomb Raider será lançado ainda em 2015 para Xbox 360 e Xbox One. Só Odin sabe quando sai pras outras plataformas 😥

Fonte: IGN

Via: GameInformer