Depois de tantas mancadas, decepções e tristezas por parte dos fãs em relação às novas políticas da Konami, o presidente da empresa se prontificou para explicar o que ela quis dizer sobre manter o mercado mobile em primeiro plano.

“Ultimamente ouvimos o termo ‘mobile primeiro’ e eu gostaria de especificar que essa ideia da Konami não é de focar apenas no mercado de jogos mobile”, disse Hideki Hayakawa, o novo CEO da empresa.

“Nossa meta é continuar construindo um vasto portfólio de títulos de consoles, arcades e jogos de cartas para cada Propriedade Intelectual (IP) enquanto fazemos o melhor uso de dispositivos móveis que acompanham nossos consumidores em suas vidas diárias”.

[quote align=’left’]Silent Hills é oficialmente cancelado pela Konami[/quote]

O que isso deu a entender é que o foco da empresa embora tenha se expandido para o universo mobile – apps de franquias conhecidas e outras frescuras – ainda veremos jogos para consoles e PCs. Hayakawa fez uma importante divisão na empresa: desenvolvedores de talento criativo separado dos negócios burocráticos, dando mais espaço para os times de desenvolvimento focar em sua tarefa principal que é fazer jogos.

“Até agora, em adição às tarefas de desenvolvimento, nossos criadores estavam lidando com uma gama muito grande de responsabilidades incluindo funções de manejamento. Isso pode ser uma abordagem útil quando um estúdio se concentra progressivamente na especialização de um único tipo de produto, mas descobrimos que uma repentina mudança de mercado pode tornar essa especialização inválida e impedir o estúdio de seguir em frente”, disse.

[quote align=’right’]Até mais e obrigado pelos games: a saída de Hideo Kojima da Konami[/quote]

“Encontramos dificuldades em ter vantagens dessas mudanças de mercado em áreas como licenciamento, expansão de IPs fora dos jogos em si, e também em alavancar novas IPs em diferentes plataformas como console e mobile. Baseado nessas lições, nós mudamos nossa abordagem para invés do staff de manejamento burocrático se focar completamente na estratégia e como as habilidades individuais podem ser melhor aplicadas, para certa estratégia ser executada em conjunto com o staff criativo.”

Com essas informações, é possível ficar um pouco menos apreensivo em relação ao futuro das franquias de sucesso da empresa, embora muitas outras informações tenham que ser esclarecidas que atormenta muitos fãs de Metal Gear e Silent Hill.

Fonte: VG24/7