Evolve, o revolucionário jogo com um multiplayer assimétrico criado pela Turtle Rock Studios, mesmos criadores de Left 4 Dead, foi lançado em terras tupiniquins ontem (10) custando ‘apenas’ R$230 oficialmente (é possível achar o jogo por menos em lojas que não fazem a distribuição oficial de Evolve no Brasil) para PlayStation 4 e Xbox One e R$99 para PC.

Apesar de ter lançado por um preço meio abusivo para os consoles da nova geração (não culpo ninguém, no fechamento dessa matéria o Dólar estava custando R$2,87) o jogo traz inúmeros DLCs de Dia Um. Ok, DLCs no primeiro dia de um jogo, infelizmente, está virando algo comum, mas se formos somar todos o conteúdo que não está dentro do Season Pass do game, temos um valor mais assustador do que encontrar um monstro evoluído nível 3.

Há 44 add-ons cosméticos em Evolve com valores variados para mudar a skin das armas das classes e dos monstros, que, somando o valor de cada um desses DLCs, ultrapassa 130 dólares. Skins são legais, mas será que não estão exagerando nisso?

Contudo, vale lembrar que Evolve terá diversos mapas que serão lançados conforme o tempo for passando, e todos os mapas serão disponibilizados gratuitamente, para não dividir a comunidade.

Já pensou que louco seria você jogar o jogo e ir abrindo skins conforme seu progresso? Saudades desses tempos…

O que me veio à cabeça quando fiquei sabendo disso:

Fonte: Gamespot